Straits Videos

Loading...

sábado, 15 de novembro de 2014


Love Over Gold
Setembro de 1982

Qual é o teu disco da tua vida? (refiro-me a originais)
Será que consegues responder?

Há muitos anos a minha resposta era "Love Over Gold".

Passados tantos anos e depois de tantos e tantos discos que fizeram a banda sonora dos meus dias a resposta continua a ser, "Love Over Gold".

E porquê?

Resposta bem mais difícil, mas são algumas as razões.

Depois da porta escancarada pelo "Brothers in Arms", com naturalidade surgiram os outros discos da banda. O Alchemy, o rei dos discos, celebrava a Tour promocional do LP "Love Over Gold" e reforçava a grandeza dos épicos "Telegraph Road" e "Private Investigations".

Lembro-me como se fosse hoje de uma colega de escola, Ana Raquel Bessa, me emprestar os discos que eram do seu tio, "Dire Straits", "Communiqué" e claro "Love Over Gold". O impacto foi tremendo, embora no sentido inverso. Primeiro chegaram as versões ao vivo e depois o estúdio quando o suposto seria o contrário. É assim quando regressamos ao passado a partir de qualquer ponto. Recentemente aconteceu-me com os "Camel".

Um disco com 5 canções, entre as quais uma gigantesca, deixou curiosidade. Foi imediata a empatia com as canções, com a sonoridade potente. Cinco grandes músicas, equilibradas e que se completavam. Um disco sem quebras embora aqui e acolá um pouco sombrio, muito pela presença de "Private Investigations" e "Love Over Gold". Pianos, os pianos do Alan Clark, os solos de guitarra do Mark mais prolongados, enrolados, rápidos e sempre límpidos.

Iniciei o namoro com o disco que regularmente aparecia na revista do circulo de leitores, mas haviam dois problemas, a falta de dinheiro e a ausência de um gira discos. A cassete fez as minhas delicias durante uns tempos, até ao dia em que resolvi comprar o LP penso que ainda antes do "potente" Hi-Fi.

Hoje encontra-se, no plástico que o acompanhava à saída da loja em Portimão e vive num armário bem fechado acompanhado pelo single "Private Investigations" que contem um b-side muito raro. Está numerado como disco N4, embora sem a referência temporal da sua compra. O disco 1 é o Alchemy, o N2 não sei e o N3 é o "Local Hero", a primeira banda sonora do Mk e que se encontra datado de 6 de Maio de 1988. Portanto, o Love Over Gold chegou pouco tempo depois.

Foram tempos de grande capacidade criativa e de grande sucesso. Digressões enormes, de versões sob versões. As coisas nunca eram iguais quando subiam ao palco.

Continuo agarrado a toda a musicalidade do disco, às suas letras magnificas e convicto de que este é o disco de originais minha vida. Responsável pela digressão, o Love Over Gold, desaguou em Hammersmith Odeon de onde saiu em forma de "Alchemy  Dire Straits Live", o rei dos discos.


SC

Sem comentários:

Enviar um comentário