Straits Videos

Loading...

sexta-feira, 22 de junho de 2012

S  T  I  N  G
Ao Vivo no Estádio José Alvalade

O SEGUNDO BILHETE

Na década de 90 passaram por Alvalade as melhores bandas e artistas. Mal terminavam os jogos de futebol do Sporting e começavam os concertos. Chegou mesmo a haver uma altura em que quando o Sporting regressou ao trabalho não tinha a relva em condições. Genesis, Dire Straits, Metallica, Rolling Stones, David Bowie, Tina Turner, Simple Minds, Carlos Santana, Paul Simon, Guns, Depeche Mode, The Cure, U2 entre outros passaram todos por lá.

Quando chegou a vez do Sting tocar em Portugal já a sua carreira a solo tinha criado raizes bem sólidas. Discos como "The Dream of the Blues Turtles" e "Nothing Like the Sun".
Sting era e é um dos músicos mais polulares da sua geração.

O disco responsável pela Tour "Ten Summoner´s Tales" tornou-se num album grandioso, repleto de canções completas - Fields of Gold, Shape of my heart ou Seven Days entre outras. Um grande disco quase sempre resulta numa grande tour, recheada de grandes concertos. Foi o caso de Lisboa.

O Palco estranhamente ficou de frente para a bancada dos Sócios ao contrário do que normalmente acontecia, com o palco posicionado no tôpo norte. Fui sozinho ao concerto, não consegui enganar ninguém para me acompanhar nesta aventura. Havia um ano que não fumava e a única companhia que arranjei foi um maço de Marlboro Light, escusado dizer que voltei novamente a fumar.
Lembro-me pouco dos pormenores do concerto mas recordo-me muito bem de colocar os olhos sobre Dominic Miller, um guitarrista fantástico que ainda hoje toca com o Sting. Em palco também estiveram ou grandes músicos caso de David Sancious nas teclas e de Vinni Calliuta na bateria.
Foi uma grande noite salpicada com as velhas canções dos Police, embora com uma nova roupagem com muitas influências jazzisticas.

Sempre admirei o Sting e uns anos mais tarde voltei a cruzar-me com ele na reunião dos Police, desta vez no Estádio José Alvalade. Sexta feira dia 29 de Junho temos novo encontro marcado para o Parque dos Poetas em Oeiras para mais um concerto.

Que seja uma festa gigante como foram as duas festas anteriores.

Sem comentários:

Enviar um comentário